You are currently viewing Escola Bilíngue
Você sabe o que é uma Escola Bilíngue? Neste post você conhecerá ideias e conceitos a respeito da Educação Bilíngue.

Escola Bilíngue

Para começar, pensemos em algumas diferenças que ainda podem causar confusão sobre uma Escola Bilíngue.

Escola de Idiomas é um espaço para ensino de uma língua estrangeira (ou Língua Portuguesa para pessoas estrangeiras), seu foco está na estrutura formal do idioma, variando métodos para isso.

Escola Internacional é o espaço pedagógico baseado no currículo do país de base, por isso, muitas vezes os calendários são diferentes. Por exemplo, no caso de escolas britânicas o ano letivo começa em setembro, pois considera o tempo europeu.

Escola Bilíngue é aquela que segue os parâmetros da educação brasileira, incluindo um idioma estrangeiro nas atividades.

De qual língua falamos?

Quando falamos em bilinguismo, geralmente se pensa na Língua Inglesa.

No entanto, uma escola bilíngue trabalha com qualquer outro idioma estrangeiro, como por exemplo, a Língua Espanhola.

Por sinal, muito importante para nosso continente e a valorização dos Repertórios Culturais de nuestras hermanas y nuestros hermanos. Muitas vezes, há a falsa impressão de que é fácil entender e se comunicar dada a proximidade com a Língua Portuguesa.

Acabamos praticando Portunhol, importante variante de fronteiras e centros urbanos, e deixamos estudos aprofundados.

Algo parecido acontece com a Língua Inglesa. Sabemos que ela é dominante em muitas relações – científicas, culturais e artísticas –, mesmo assim, é baixo o percentual da população brasileira com conhecimentos básicos e fluência.

Ora, vivemos uma espécie de paradoxo, já que temos tanta exposição nos bens de consumo e na educação básica, por que não dominamos o idioma?

Língua Inglesa na Educação Básica

Com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), conferimos a obrigatoriedade do currículo da Língua Inglesa a partir do Fundamental II, até o Ensino Médio.

Antes disso, o idioma já estava presente em grande parte das escolas brasileiras, mesmo assim, o paradoxo se estendeu.

Grande parte da dificuldade de ter uma população fluente na Língua Inglesa é resultado do ensino que prioriza a estrutura gramatical, ao invés do seu uso social.

Assim, a Escola Bilíngue propõe um espaço de vivência e solidez para a compreensão.

Pois ela proporciona fluidez no uso da língua estrangeira nas atividades escolares.

Escola Bilíngue na prática

Na escola bilíngue, a Língua Inglesa (ou outra língua estrangeira) está nas práticas de qualquer área do conhecimento. As matérias são dadas e comentadas nesse idioma.

Por exemplo, nas aulas de música, teatro, programação etc., as professoras e os professores conversam e expõem seus conteúdos na língua estrangeira, apresentam textos, vídeos e outros materiais nesse idioma.

Desse modo, a turma é inserida em um ambiente de letramentos na língua diferente da sua, pensando, agindo e utilizando outra comunicação.

As práticas variam de escola para escola, há aquelas que utilizarão o idioma estrangeiro em todas as atividades do currículo, outras seguirão com áreas específicas.

Por isso, é essencial que as famílias e responsáveis entendam a proposta, para poder escolher a melhor opção para as crianças e jovens.

Vantagens de uma Escola Bilíngue

A educação bilíngue oferece benefícios para toda a comunidade.

Estudantes ampliam suas competências comunicativas e suas visões de mundo, compreendendo espaços e pensamentos diversos, abrindo-se para a empatia e a cooperação.

Professoras e professores também ganham, pois buscam novos conhecimentos e práticas da vida profissional e pessoal.

A comunidade escolar, como um todo, se vê diante de estímulos para aprender o novo idioma, para entender as propostas, aprender coisas novas e aprimorar conhecimentos em construção.

And you? Y tú?

O que pensa sobre a educação bilíngue?

Francisley da Silva Dias

Mais conhecido como Francis, é Educador, Professor de Língua Portuguesa Brasileira, Preparador, Revisor e Tradutor de textos; acredita na Educação e nas Artes como essenciais para os desenvolvimentos sociais.

Deixe um comentário